Postagem em destaque

Fachin levanta sigilo de delação que complica Gleisi Hoffmann

A senadora Gleisi Hoffman, do PT do Paraná, desponta nas preferências para presidir o partido. Ela é a candidata do ex-presidente Lula. Embora seja tratada como celebridade no material de divulgação dos congressos estaduais da legenda – o de Pernambuco ocorre no próximo fim de semana –, a situação de Gleisi é cada vez mais complicada. Na noite desta terça-feira (16), o ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), levantou o sigilo dos termos da delação de Fernando Migliaccio, executivo que atuou no setor de propinas da Odebrecht. Migliaccio detalhou aos procuradores da República como dinheiro sujo abasteceu o caixa eleitoral da petista na disputa ao governo do Paraná em 2014.

Notícias Recentes